Jaú investe na capacitação da população para produção artesanal de delícias da padaria

Curso de alimentos saudáveis visa geração de renda para comunidade jauense

 

A prefeitura de Jaú oferece cursos de panificação para a comunidade visando geração de renda com produção artesanal.  Os alunos aprendem a confeccionar receitas, algumas feitas com vegetais e frutas.

No cardápio destaca-se pão integral, pão de cenoura com goiabada, pão de batata com queijo cremoso, pão de mandioca, pão de beterraba, pão de ervas, pão de forma, pão de presunto e queijo, pão recheado com maçã e rosca estrela com coco ou goiabada.

O curso é destinado às pessoas com mais de 18 anos, não sendo exigida escolaridade mínima.A aula inicial é sobre noções básicas de higiene pessoal, alimentar e de ambiente, ministrada pela médica infectologista Brígida Reis.

Comércio

Além da parte prática o aluno também aprende a comercializar sua produção adquirindo noções de custo para futura confecção, comercialização, apresentação do produto e estabelecimento de preço dos pães e de outros produtos aprendidos ao longo do curso.

O projeto Padaria Artesanal é uma iniciativa do Fundo Social de Solidariedade e consiste na capacitação da comunidade para a elaboração de pães, roscas, entre outros produtos, por meio de processos caseiros, ou seja, sem a utilização de equipamentos especiais ou conservantes. O objetivo é qualificar profissionais, capacitar agentes multiplicadores, agregar valores nutricionais para a melhoria da qualidade de vida e proporcionar condições de geração de renda à população envolvida.

Para mais informações sobre os cursos, os interessados devem entrar em contato com o Fundo Social de Solidariedade, por meio do telefone (14) 3602-5777 ou comparecer na rua Quintino Bocaiúva, 552.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

10º Turma formada

O Fundo Social de Solidariedade realiza formatura da décima turma do curso de Padaria Artesanal com 29 alunos do Curso de Padaria Artesanal.  A formatura é terça-feira (9), às 19h, no Espaço Pedagógico “Kátia Pascolat Domeniconi”, localizado na rua Quintino Bocaiúva, 532.