Centrais reiteram posição de não aceitar qualquer proposta que vise retirar direitos trabalhistas

As Centrais Sindicais abaixo assinado a reiteram sua posição de não aceitarem qualquer proposta ou negociação com que visem retirar direitos trabalhistas e previdenciários da classe trabalhadora ou precarizar ainda mais as relações de trabalho. É com este intuito que  conclamam suas bases a participarem do ato que realizarão em todas as capitais do País, no dia 16 de agosto,  em defesa dos direitos da classe trabalhadora.

NENHUM DIREITO A MENOS!

Vagner Freitas, presidente da Central Única dos Trabalhadores

Paulo Pereira da Silva, presidente da Força Sindical

Ricardo Patah, presidente da União Geral dos Trabalhadores

Adilson Araújo, presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil

José Calixto Ramos, presidente da Nova Central Sindical de Trabalhadores

Antônio Neto, presidente da Central dos Sindicatos Brasileiros

Anúncios