Jaú modifica caça ao mosquito transmissor da dengue, zica e chikungunya

Jaú foi dividida em quatro regiões para caçar o mosquito  Aedes aegypti no município. Conforme o monitoramento da Secretaria de Saúde e Departamento de Zoonose,  até a sexta-feira (2 de setembro) foram priorizadas 15 bairros e o centro da cidade.

Intensificar o combate casa a casa é uma das ações de combate ao mosquito por áreas divididas em setores. Dentro de cada setor, haverá, em datas específicas (conforme tabela abaixo), grupo de agentes de controle de endemias fixados em um determinado setor.

Dessa forma, o agente fica fixo neste espaço, passando a ser conhecido e reconhecido neste setor como representante autorizado no combate à dengue, zica e chikungunya.

Confira na tabela abaixo os bairros e o número de agentes envolvidos na operação caça Aedes:

 

CACAAEDES0209

Anúncios