Mobilização cria ‘fila paralela’ em Jaú para exames de prevenção do câncer

É sabido que o câncer de mama tem cura se diagnosticado ainda na fase inicial da doença. Um laboratório móvel de imagem faz mamografias de graça em Jaú, mas há informações de que mulheres que agendaram exames previamente não estão comparecendo. O agendamento antecipado já encerrou até o dia 14 de setembro, último dia que a carreta-móvel permaneceram estacionada no Hospital Amaral Carvalho.

Diante da desistência das pacientes, há uma mobilização para criar uma fila de mulheres sem agendamento para usufruir do serviço público gratuito. Ao mesmo tempo, há uma movimentação pedindo para que aquelas pessoas agendadas previamente e que não vão fazer os exames desmarquem pelo telefone (14) 36021306.

A reportagem do trabalhadoresdejau.com tentou agendar via telefone, porém a informação é de que não há vagas. A orientação é para que a mulher que quiser arriscar a levar um chá de cadeira tente o exame sem compromisso, já que haveria desistências diárias de pessoas previamente agendas.

Prevenção

O relatório do Conselho Municipal de Saúde aponta que em 2014, quando a carreta esteve em Jaú, foram 1.582 exames de mamografias em mulheres da faixa etária de 30 a 80 anos com solicitação médica. O documento cita 26 casos suspeitos, com 3 compatíveis com câncer e 23 altamente suspeitos para câncer.

Quem pode fazer?

O programa “Mulheres de Peito” atende mulheres a partir dos 35 anos. Pacientes na faixa etária de 35 a 49 anos, devem apresentar o encaminhamento médico (receita comum). Não é necessário receita para mulheres com mais de 50 anos. Todas devem apresentar o RG e cartão SUS.

Procedimentos

A carreta está equipada com mamógrafo, aparelho de ultrassom, conversor digital de imagens analógicas, impressoras, antenas via satélite, computadores e mobiliários. O resultado do exame sai em 48 horas após a realização da mamografia.

Havendo suspeita de tumor nos seios, imediatamente será feita a ultrassonografia. Em caso de necessidade, também serão realizados exames como biopsia. Constatado o câncer, a mulher será encaminhada para tratamento especializado. A carreta móvel do programa “Mulheres de Peito” circula por municípios de São Paulo.

Carreta-móvel

Até 14 de setembro

Das 9h às 16h30

Hospital Amaral Carvalho

Rua Dona Silvéria, 150

Informações (14) 3602-1306

 

Anúncios