Residencial Frei Galvão terá combate ao Aedes e limpeza contra criadouros

Seguindo a estratégia de combate ao mosquito Aedes aegypti agentes do Departamento de Zoonose vão fazer o trabalho concentrado de combate e mutirão de limpeza no Residencial Frei Galvão.

Sábado (3), os agentes de controle de endemias realizam trabalho de intensificação casa a casa. O mosquito é transmissor da dengue, zica e chikungunya.

Mutirão 

Na segunda (5), das 8h às 16h, será feita a coleta de materiais. É muito importante a mobilização dos moradores do Residencial Frei Galvão  para que  descartem nas calçadas todo o material inservível que está nas residências.

O principal alvo da equipes são tirar de circulação possíveis criadouros da dengue como vasos, garrafas, baldes e latas velhas.

Também serão coletados restos de madeira, folhagens, latas, garrafas, pneus, frascos, armários e móveis velhos expostos à chuva, entre outros materiais inservíveis e que acumulam água.

Não será coletado entulho de construção.

Atenção

Aos sábados, domingos e feriados, a população deve procurar o Pronto Atendimento do Distrito de Potunduva (que funciona durante 24 horas) e o Pronto Atendimento do Jardim Pedro Ometto (que está atendendo no antigo prédio do Pronto Socorro Municipal, localizado à Rua Rangel Pestana, 821 (7h às 19h)

Anúncios