Sindicato lança campanha contra a Reforma da Previdência

 

O Sindicato dos Calçadistas de Jaú lança uma campanha contra a Reforma da Previdência, proposta pelo governo ilegítimo de Michel Temer (PMDB). A primeira ação da campanha já é divulgada em uma peça publicitária no outdoor digital, instalado na avenida Zezinho Magalhães, número  1.033.

A campanha se desdobrará  em outras ações, como veiculação de spot em rádios mostrando pontos que a reforma retira direitos dos/das trabalhadores/as.

Além de uma campanha autoral, o Sindicato também irá implementar  ações da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Vestuário da CUT (CNTRV-CUT) e da Central Única dos Trabalhadores (CUT). A CUT definiu como tema contra a Reforma  “Reaja agora ou morra trabalhando”, entre várias ações que terá um site específico detalhando os principais pontos.

Vamos pra rua!

O dia 15 de Março foi definido  na estratégia da CUT como dia nacional contra a Reforma da Previdência. Neste dia, haverá manifestações por todo o Brasil contra a Reforma.

O que é a Reforma?

A Reforma da Previdência proposta por Temer prevê idade mínima de 65 anos para homens e mulheres  e 25 anos de contribuição.

Para se aposentar com 100% do valor, o/a trabalhador/a tem que contribuir durante 49 anos. Se a pessoa começou a trabalhar contribuindo aos 20 anos e sem interrupções, conseguirá se aposentar com o valor integral próximo dos 70 anos.

A Reforma ataca direitos também dos servidores públicos à aposentadoria especial pelo risco proporcionado pelo tipo de trabalho. Professores que trabalham na educação básica, ensino infantil, fundamental e médio perderão a aposentadoria especial.

16754302_844229475716096_43235433_n
Peça da campanha no outdoor digital, na avenida Zezinho Magalhães

 

Anúncios