Sindicatos assinam Convenção Coletiva 2017/2018

Nesta terça-feira, 31, o Sindicato patronal e o Sindicato dos Calçadista assinaram a Convenção Coletiva da categoria que terá validade até 1.º de julho de 2018. Os reajustes nos salários e na cesta básica serão aplicados nos vencimentos de novembro.

As empresas terão que pagar os valores retroativos referentes aos reajustes nos salários e vale-cesta nos meses de  julho, agosto, setembro e outubro.

 

Veja como ficam os salários:

O novo piso salarial será de R$ 1.076,20 (7,62% a mais que o atual). Para aos salários maiores que o piso, o reajuste é de 3,56%. Embora os índices sejam baixos, tanto o piso quanto as demais faixas salariais foram reajustadas acima da inflação que foi de apenas 2,56% para a data-base em 1.º de julho.

 

Pagamento retroativo do reajuste salarial:

Todas as empresas que não adiantaram nenhum valor a título de reajuste salarial estão obrigadas a pagar os índices de forma retroativa.

Como a data-base da categoria é 1.º de julho, as empresas terão que pagar, no próximo vencimento, o reajuste referente aos meses de julho, agosto, setembro e outubro.

Dessa forma, quem recebe o piso terá direito à um valor extra de R$ 304,80 (desse valor poderá ser descontado o INSS).

Para as demais faixas salariais é preciso calcular 3,56% sobre o salário e depois multiplicar o valor do reajuste por 4 meses.

 

Veja como fica a cesta básica:

A principal mudança na cesta básica se refere às regras para atestados médicos. Antes, mesmo apresentando justificativa médica os trabalhadores/a sofriam o desconto no vale-cesta.

A nova Convenção Coletiva proíbe o desconto compulsório do vale-cesta sobre atestados médicos. Neste caso, para realizar o desconto a empresa terá que emitir uma justificativa assinada pelo médico do trabalho explicando os motivos pelos quais o atestado não foi aceito. Esta justificativa deve ser entregue por escrito ao trabalhador/a e enviada para o Sindicato.

O novo valor da cesta básica será de R$ 175,00.

 

Pagamento retroativo do vale-cesta

Todas as empresas que não adiantaram nenhum valor a título de reajuste na cesta-básica, estão obrigadas a pagar, no mês de novembro, um valor extra de R$ 48,00.

Dessa forma, o vale-cesta de novembro deverá ser de R$ 175,00 + R$ 48,00 (referentes aos reajustes retroativos a julho, agosto, setembro e outubro).

 

Mais informações

A partir da próxima semana, a direção do Sindicato visitará os locais de trabalho para esclarecer eventuais dúvidas. Será distribuído um jornal com mais informações sobre a Convenção Coletiva 2017/2018.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s