CORONAVÍRUS: Após ação de entidades sindicais e órgãos judiciais, Bolsonaro volta atrás sobre suspensão do contrato de trabalho, sem pagamento de salários

Após publicação da MP 927, neste domingo, 22,  que permitia a suspensão do contrato de trabalho por até 4 meses, sem garantia de salários e benefícios como o vale-cesta, por exemplo, entidades sindicais e órgãos como o Ministério Público do Trabalho, OAB e outros, se manifestaram contrários à medida e exigiram por meio de notas públicas, sua revogação imediata.

Por volta das 14h de hoje, Bolsonaro usou sua conta no Twitter para anunciar seu recuo.

Pressão nas redes sociais

Bolsonaro sentiu o total repúdio à medida que ficou em primeiro lugar no Twitter no Brasil, com a maioria criticando sua postura e do ministro da Economia, Paulo Guedes, de só tomar medidas que beneficiam os empresários e prejudicam os trabalhadores. Muitos passaram a chamar a medida de MP da Morte. “Ou morre de fome ou do coronavírus”.

Outra crítica forte foi feita pelo presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM/RJ), que cobrou medidas que protejam o emprego e não ao contrário.

Inacreditável

Na página oficial do Sindicato, após divulgação da MP, Bolsonaristas afirmaram se tratar de “faknews”. “A impressão é que nem mesmo quem apoia Bolsonaro chegou a acreditar em seu tamanho descaso com a classe trabalhadora”, comentou Miro Jacintho, presidente do Sindicato.

Ações sindicais

O Sindicato protocolou aos patrões um pedido de negociação urgente para discutir medidas que suspendam o trabalho nas fábricas de forma temporária e com garantia de emprego e salário.

A entidade também cobrou publicamente do prefeito Rafael Agostini uma medida urgente do município para a suspensão temporária do trabalho nas fábricas de bancas de calçados.

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s