Sindicato firma acordo para recontratação de 60 trabalhadores demitidos durante quarentena

Logo no início da quarentena, uma empresa de Calçados fez uma demissão em massa e encerrou as atividades em decorrência da crise gerada pela pandemia do novo coranavirus. Em virtude das demissões, o Sindicato ingressou com ação coletiva buscando a reintegração dos funcionários dispensados. Com a retomada do comércio, a produção foi reativada e o Sindicato dos Calçadistas de Jaú realizou um Acordo com a nova empresa para a recontratação de 60 trabalhadores. O  Acordo encerrou o processo na Justiça.

Até o momento foram recontratados 23 trabalhadores/as e a empresa se compromete a recontratar os demais no prazo máximo de 180 dias, mesmo que em outras empresas do grupo econômico.

Alternativa às demissões

O sindicato reforça a importância das empresas buscarem a negociação coletiva baseada nas legislações emergenciais em vigência como forma de evitar demissões. “É melhor para os trabalhadores e para as empresas estabelecer um acordo de suspensão de contrato invés de demissão em massa”, indica Miro Jacintho, presidente do Sindicato.

Verbas rescisórias

Nesta empresa específica, as verbas rescisórias foram pagas corretamente, mas essa não é a realidade de muitos trabalhadores de outras empresas que além de enfrentar o desemprego em plena pandemia, ainda não receberam o pagamento de seus direitos.

Neste sentido, o Sindicato coloca seu departamento jurídico à disposição de toda a categoria para recorrer à Justiça do Trabalho sobre o pagamento das verbas rescisórias.

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s