Defesa de Eduardo Cunha fragiliza Temer

As fragilidades do governo do presidente Michel Temer aumentaram ainda mais com ameaças veladas feitas pelo advogado do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). A defesa do ex-presidente da Câmara dos Deputados, que está preso no Paraná por envolvimento na Lava Jato (e arrolou Temer como testemunha dele), apresentou 41 perguntas a serem feitas ao presidente, das quais 21 foram vetadas. Mas as perguntas, aliadas aos pedidos … Continuar lendo Defesa de Eduardo Cunha fragiliza Temer

Paulinho e Feliciano estão entre os dez aliados

Veja como cada deputado votou ontem (12) na sessão de cassação do mandato de Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Dos 513 deputados, 450 foram favoráveis à cassação, dez foram contrários e nove se abstiveram. Os que votaram contra são Carlos Marun (PMDB-MS); Paulo Pereira da Silva (SD-SP); Marco Feliciano (PSC-SP); Carlos Andrade (PHS-RR); Jozi Araújo (PTN-AP); Júlia Marinho (PSC-PA); Wellington (PR-PB); Arthur Lira (PP-AL); João Carlos Bacelar … Continuar lendo Paulinho e Feliciano estão entre os dez aliados

Cunha responsabiliza governo Temer pela perda do mandato

Após ter seu mandato cassado pela Câmara, o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) responsabilizou o governo do presidente Michel Temer pelo resultado da votação. O peemedebista negou ainda que tenha a intenção de fazer delação premiada, mas prometeu escrever um livro relatando todos os diálogos que teve durante o processo de impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff. Para o ex-presidente da Câmara,  o governo Temer teve responsabilidade … Continuar lendo Cunha responsabiliza governo Temer pela perda do mandato

Com cassação, Eduardo Cunha fica inelegível até 2026

Por 450 votos a favor, dez contra e nove abstenções, a Câmara dos Deputados cassou o mandato do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em votação encerrada às 23:49 desta segunda-feira (12). Após o resultado, o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), precisou pedir para os colegas pararem com o coro “Fora, Cunha”. Tecnicamente a Câmara votou apenas a perda do mandato, sendo a inelegibilidade pelo período … Continuar lendo Com cassação, Eduardo Cunha fica inelegível até 2026