Saída de Cuba do “Mais Médicos” vai gerar déficit de 8500 médicos

“Médicos cubanos estão onde profissionais brasileiros não querem estar” Por: Redação CNTRV – Cerca de 8500 profissionais médicos, espalhados pelas periferias das grandes cidades e em regiões de difícil acesso, deixarão de atuar na rede pública de saúde em 2019. Isso porque Cuba decidiu não mais participar do programa “Mais Médicos”, criado em 2013, no governo da presidenta Dilma Rousseff (PT). A decisão do país … Continuar lendo Saída de Cuba do “Mais Médicos” vai gerar déficit de 8500 médicos