Sevilla é obrigada a reconhecer vínculo de trabalhadora em banca

Ação judicial movida pelo Sindicato garantiu estabilidade gestante e indenizações. Por: Redação STICJ. Uma trabalhadora que fazia pesponto numa banca de Jaú, obteve na Justiça do Trabalho vínculo direto com a Sevilla. Ela trabalhava sem registro e estava grávida quando foi dispensada. A ação trabalhista movida pelo Sindicato obteve sentença favorável não só sobre o reconhecimento do vínculo empregatício pela Sevilla, que terceirizava – de … Continuar lendo Sevilla é obrigada a reconhecer vínculo de trabalhadora em banca

M.Officer é condenada por trabalho escravo e pode ser proibida de vender em SP

TRT mantém decisão de primeira instância, que determina indenizações de R$ 6 milhões por danos morais coletivos e dumping social, e determina cumprimento de obrigações trabalhistas – Por: Rede Brasil Atual – São Paulo – A M5 Indústria e Comércio, dona da marca M.Officer, voltou a ser condenada ontem (7) por submeter trabalhadores a condições análogas à de escravidão. A ação civil pública foi movida … Continuar lendo M.Officer é condenada por trabalho escravo e pode ser proibida de vender em SP

Bangladesh: 26 trabalhadores permanecem encarcerados após participarem de greve

IndustriALL Global Union organiza ações de solidariedade em todo o mundo A Industrial Global Union, federação sindical com mais de 50 milhões de representados em todo o mundo, está organizando uma campanha mundial de solidariedade em favor de 26 trabalhadores bengaleses que foram presos após participarem de uma greve no final de 2016. “As autoridades bengalesas estão se utilizando da greve como desculpas para executar … Continuar lendo Bangladesh: 26 trabalhadores permanecem encarcerados após participarem de greve

Juiz obriga governo a divulgar “lista suja” do trabalho escravo

O juiz Rubens Curado Silveira, da 11º Vara do Trabalho de Brasília, alegando que a “lista suja” dos empregadores que já foram flagrados com mão de obra análoga à escravidão em suas linhas de produção deva ser pública, decidiu manter a liminar que obriga o Ministério do Trabalho a divulgar quem são as empresas que já tiverem mão de obra escrava comprovada. O governo federal … Continuar lendo Juiz obriga governo a divulgar “lista suja” do trabalho escravo

Crise e desregulamentação aumentam riscos e pioram a saúde do trabalhador

O Brasil teve 613 mil acidentes de trabalho registrados em 2015, queda de 14% em relação ao ano anterior. Embora o dado seja positivo, a diminuição pode ser consequência de menor emissão de CATs, os comunicados de acidentes, que em sua maior parte são de iniciativa das empresas. Além disso, a médica Maria Maeno, pesquisadora da Fundacentro (órgão de estudos vinculado ao Ministério do Trabalho), … Continuar lendo Crise e desregulamentação aumentam riscos e pioram a saúde do trabalhador

Aplicativo é usado para combater trabalho escravo no setor têxtil

Funciona desde abril de 2016, uma versão atualizada do aplicativo Moda Livre, que, segundo a ONG Repórter Brasil, idealizadora do projeto, serve para avaliar as ações que as principais empresas do setor têxtil vêm tomando para evitar que as suas peças sejam produzidas por mão de obra escrava. “Além disso, o aplicativo oferece ao consumidor, de forma ágil e acessível, informações sobre as marcas envolvidas … Continuar lendo Aplicativo é usado para combater trabalho escravo no setor têxtil

Injustiça: Trabalhadores da Nicarágua podem ficar presos por 3 anos por reivindicarem água potável

A Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Vestuário da CUT e suas entidades filiadas declaram total apoio e solidariedade aos 12 trabalhadores da SAE-A Tecnotex, empresa de capital sul-coreano, instalada em Tipitapa, na Nicarágua, que produz confecções para grandes multinacionais norte-americanas como JC Penney, Kohls, Target e Walmart.  Eles foram presos em junho deste ano, após manifestação na qual reivindicavam água potável e fim de … Continuar lendo Injustiça: Trabalhadores da Nicarágua podem ficar presos por 3 anos por reivindicarem água potável

O principal problema do Brasil não é o custo do trabalho e sim dos altos juros

Um dia depois do massacre ao povo brasileiro promovido por 61 senadores, que num verdadeiro e claro ato de vandalismo, aprovaram em primeira votação a PEC 241/55, o presidente da CUT, Vagner Freitas, participou de uma mesa de discussão com a bancada de parlamentares de esquerda em Brasília. O encontro, que reuniu deputados Federais e representantes sindicais no Hotel Nacional, na manhã desta quarta-feira (30), … Continuar lendo O principal problema do Brasil não é o custo do trabalho e sim dos altos juros

Jaú: Trabalho precário no setor calçadista impede injeção de R$ 6 milhões na economia da cidade

Avaliação do Sindicato dos Calçadistas é sobre pagamento do décimo terceiro salário. Entidade aponta ainda uma séria de prejuízos para os trabalhadores e para o comércio local Em outubro de 2016, durante o Seminário denominado “Combate ao Trabalho Precário na Fabricação de Calçados”, realizado pela IndustriALL Global Union, entidade sindical que representa 50 milhões de trabalhadores do setor têxtil/vestuário em mais de 140 países, o … Continuar lendo Jaú: Trabalho precário no setor calçadista impede injeção de R$ 6 milhões na economia da cidade